Espelho para sala: Como escolher

Não é de hoje que os espelhos são símbolos de beleza, refinamento e bom gosto. Mas se antigamente esses objetos eram limitados aos cuidados pessoais, hoje em dia a coisa mudou muito de figura. Saiba como decorar com espelhos para sala:

Atualmente, os espelhos tem se mostrado um recurso muito eficaz para ampliar visualmente os espaços, reforçar a luz e destacar partes especiais do projeto de decoração.

Mas para obter os efeitos desejados com o uso do espelho, não basta apenas pendurá-lo na parede. Existem alguns truques que são importantes conhecer. Quer saber quais são? Confira abaixo:

Espelho para sala: dicas para usar na decoração

A primeira coisa que você deve fazer antes de decorar a sala com espelho é saber qual será a finalidade do objeto. Ele será apenas decorativo ou vai ser usado principalmente para ampliar o espaço? Essas primeiras definições irão te ajudar a descobrir qual caminho seguir.

Caso a função do espelho para sala seja de ampliar o espaço, o ideal é que ele seja colocado diante de uma parede clean, sem muitos objetos, para que o reflexo criado por ele seja o mais harmonioso possível. Imagine se o espelho refletir uma estante bagunçada ou uma parede amontoada de coisas?

O ambiente vai ficar ainda mais carregado e você vai conseguir apenas criar o efeito contrário ao desejado. E mesmo que a função do espelho seja apenas decorativa, essa dica também é válida. Nesse caso, entretanto, você tem mais liberdade para inseri-lo em tamanhos ou formatos diferenciados.

E por falar em tamanhos e formatos, você já parou para pensar nisso? Sim, existe uma grande diferença entre usar um espelho redondo ou um espelho quadrado, por exemplo. Vamos entender por que.

Os espelhos para sala com formato redondo se harmonizam perfeitamente com propostas de decoração românticas ou informais. Eles também são ótimos para criar um ponto de destaque no ambiente.

Já os espelhos para sala quadrados são mais indicados para ambientes sóbrios e formais. Agora se a sua sala é pequena, aposte em espelhos retangulares. Esse formato é o ideal para provocar sensação de amplitude.

Há ainda os espelhos em formatos geométricos inusitados, como hexágonos, triângulos ou octógonos, e os espelhos com formas abstratas. Esses modelos de espelho devem ser usados para criar composições originais, descontraídas e para criar sensação de movimento.

Em relação ao tamanho, a dica é a seguinte: espelhos grandes para aumentar visualmente o espaço e trazer elegância ao ambiente; espelhos médios para transmitirem conforto e aconchego e, por fim, os espelhos pequenos para completar a decoração de forma discreta.

Você também pode criar composições de três ou mais espelhos na parede. Essa combinação pode ser feita com espelhos do mesmo tamanho ou formato, para decorações mais clássicas e elegantes, ou com espelhos de tamanhos e formatos diferentes, nesse caso para decorações modernas e despojadas.

Outra dica importante é nunca deixar espelhos de frente a outros objetos espelhados, essa composição pode sobrecarregar o ambiente com reflexos em excesso. Outra coisa que você não deve fazer é usar um espelho pequeno em uma grande parede desocupada. Ao invés disso, faça uma combinação variada de espelhos.

Como escolher a moldura correta do espelho para sala?

Os espelhos podem ser usados em todo e qualquer tipo de decoração. A diferença entre eles está na moldura. Para cada decoração existe um modelo de moldura mais apropriado.

As molduras rebuscadas com arabescos ou de madeira entalhada são ideais para decorações de estilo clássico. Já as molduras mais finas e retas devem ser usadas em propostas de estilo moderno, clean e minimalista. Para decorações rústicas, as molduras de madeira são as preferidas.

Envie uma mensagem
close slider